Bem vindo ao nosso site!

  • Localização Av. Pontes Vieira, 2401 – Dionisio Torres

  • Email contato@acicontabilidade.com.br

  • Whatsapp (85) 99922-6999

Blog

Simples Nacional, Lucro Presumido ou Real? Qual Regime de Tributação escolher?

Para empresas, é muito importante escolher o regime adequado por vários motivos.

Escolhendo o regime menos oneroso, é possível saber exatamente quais os impostos entregar, evitando problemas com a Fiscalização e não comprometendo a saúde financeira da empresa; se ganha crédito a favor da empresa pelo pagamento antecipado com o planejamento de todos os impostos em mão; a opção mais benéfica é aquela que menos comprometerá o fluxo de caixa; é possível saber se a apuração é trimestral ou anual; entre outros.

Ou seja, tendo conhecimento do tipo ideal de tributação para a empresa, obtém-se um planejamento tributário muito mais completo, e você adota um conjunto de sistemas legais que visam diminuir o pagamento de tributos.

Além disso, a empresa pode elaborar um calendário tributário adequado, aproveitar possíveis incentivos fiscais, quais obrigações acessórias entregar, evitar pagamentos desnecessários e a ocorrência de autuações.

O que temos que entender é que a escolha do regime tributário é um dos passos mais importantes para o sucesso de uma empresa. Ao realizar uma opção errada nesta etapa do processo pode gerar a necessidade do pagamento de um conjunto de impostos a mais, repercutindo diretamente na saúde financeira do negócio, podendo até mesmo gerar problemas fiscais com a Receita Federal.

Há três tipos de regimes de tributação que podem ser adotados pelas empresas:

  • Simples Nacional: Neste regime tributário há duas grandes vantagens: uma refere-se aos valores de alíquotas que são menores e a outra se refere à simplicidade da agenda tributária, facilitando o controle. Nesta opção, você pode pagar até 08 impostos em uma única alíquota, e obtendo isenções, como por exemplo, o INSS patronal, esse que pode afetar significativamente as finanças da sua empresa.
  • Lucro Presumido: Qualquer empresa pode se cadastrar. Contudo, o seu faturamento anual neste regime tributário não pode ser inferior a R$ 4.800.000,00 ou superior a R$ 78 milhões. Neste caso, o Imposto de Renda e a CSLL incidem sobre uma alíquota definida pela Receita Federal e todos os impostos são apurados separadamente.
  • Lucro Real:Este regime é obrigatório para empresas com faturamento superior a R$ 78 milhões e empresas com atividades voltadas para o setor financeiro ou que disponham de muitas despesas. Neste caso, as alíquotas são calculadas com base no lucro real, ou seja, receita menos despesas. Um dos segredos para atuar nesse regime: é preciso que a empresa seja MUITO ORGANIZADA com suas contas.

Portanto, o que indicamos aqui é que a escolha seja feita e analisada por um contador, mas não qualquer um, mas um que seja especialista nessa questão tributária, que saiba montar o seu PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO, que disponha de ferramentas e soluções que possam levar o seu negócio para o nível mais elevado, que seja de fato um profissional que tem experiência e conhecimento no assunto e assim, pode lhe dar as devidas instruções e saber qual a melhor opção para o seu negócio através estudos de diversos fatores específicos de casa caso, como análise de porte do negócio, área de atuação, estudo de mercado, planejamentos de rendimento, entre outros.

Gostou do artigo? Encaminhe para um amigo empresário.

Conte com quem pode te ajudar, conte conosco!

Thiago Farias  – Ceo Aci Contabilidade

 

Return to Top ▲Return to Top ▲